Vou contar dessa vez um caso que considero bem aparte, pois nunca imaginei isso acontecer. Foi quando eu estive fazendo um trabalho extra de corretor de imóveis, na verdade um favor pra um amigo que precisava vender sua casa mas não tinha muito tempo de ficar atras disso e preferiu me pagar pra isso do que pagar uma comissão pra uma imobiliária.

Fiquei alguns meses enrolado com isso conheci várias pessoas, atendi vários telefonemas, até que um dia atendi uma ligação de uma senhora chamada Irene, e conversando com ela senti um grnade interesse e logo ja senti que a casa seria vendida para ela, então marcamos um dia e um horário que fosse bom para ela e o marido que viajava muito pelo que ela me havia dito no telefone.

No dia marcado lá vou eu um cara de 1,75 branco, 23 anos, fisico normal (e uma pica de uns 20cm pra quem se interessar) mostrar a casa, como ela era num bairro proxima a minha casa resolvi ir a pé caminhando, cheguei na casa e logo avistei o casal, Irene e seu marido Gerson, mostrei a casa e na saida vi os olhos de Irene brilhar olhando a casa, vendo aquilo ja percebi que o negócio estava fechado… e assim foi dias depois Irene me liga novamente falando que iria ficar com a casa então marquei um encontro com ela e o marido em minha casa para fechar o negócio.

No dia marcado nos encontramos e fechamos o negócio, mas ainda faltaria alguns documentos que ficou combinado de eu tratar com irene já na nova casa já que seu marido estaria novamente viajando, até ai tudo bem nada havia me chamado atenção em Irene até por que estava com muito respeito com o casal e empenhado no serviço.

Foi na primeira visita a casa de Irene que começou a rolar um lance diferente, cheguei na casa dela era umas 5h da tarde, ela estava sozinha, entrei e ela me convidou pro café, sentamos na sala e enquanto tomavamos café e conversavamos sobre a papelada comecei a reparar naquela mulher de 32 anos bem vividos e bem cuidados (vi a idade dela pelos documentos) ela estava com um vestido preto frente unica de alcinha e curto, comecei a reparar que suas pernas cruzavam de um lado pro outro várias vezes do meu lado seu decote com seus grandes seios a mostra tambem começaram a me atrair, tive que me conter e dar a desculpa que voltaria outro dia pois faltava um documento.

Dois dias depois estava eu ligando pra Irene pra marcar outra visita, e acabamos marcando pra manhã do dia seguinte… então na manhã de uma terça feira lá estava eu batendo na porta dela, era 9h, ela abriu o portão eletronico e destrancou a porta e falou para eu ir entrando e assim fiz, entrei em sua sala e fiquei esperando, foi quando vi ela vindo do quanrto com uma camisola preta transparente, que não escondiam nada mesmo, não pude deixar de reparar na calcinha de renda tambem preta que vestia e que estava sem sutiã.

Ela me chamou pra tomar café e pegando na minha mão me puchou até a cozinha, sentamos um de fente pro outro e começamos tomar café, ela parecia que me provocava servindo o café se debruçou um pouco sobre a mesa pra me servir o bastante para eu olhar pelo seu decote seus seios grandes e carnudos, isso fez meu pau ficar duro, mas precisava me conter e resolvi "fugir" daquela tentação então deixei o documento com ela e pedi que o marido dela tambem precisava assinar e que buscaria assim que ela me avisace e fui saindo, quando cheguei na porta da sala estava trancada e quando menos esperava ela encosta em mimnhas costas aqueles seios macios e destranca a porta, ela então fala que me liga assim que estivesse tudo assinado.

Esperei 1 semana quando recebo a ligação dela falando que eu poderia ir buscar os documentos na tarde daquele dia, novamente fui a pé e cheguei na casa dela em poucos minutos, como aquele dia estava quente d+ cheguei suado, novamente ela falou que eu podia ir entrando e assim fiz e sentei no sofá, quando vejo ela novamente vindo com sua camisola preta transparente flando q tinha cabado de chegar de uma viagem e estava descansando e resolveu ficar bem a vontade.

Quando nos comprimentamos, ela notou que eu estava muito suado e falou para esperar que ela ia pegar uma toalha, logo ela ja estava voltando com a toalha e abaixou na minha frente e começou a enxugar meu rosto, comecei a olhar seus seios de uma maneira que ja não consegui disfarçar meu olhar e minha excitação, ela então percebendo meu estado não se fez de boba, falou que eu era muito novo e pelo que ela tava percebendo eu tava querendo uma coisa que ela poderia me ajudar e pediu que eu esperasse que ela iria pegar algo no quarto, quando ela voltou estava com um gel lubrificante na mão.

Irene então ajoelhou no tapete na minha frente abaixou as alcinhas da camisola deixando seus seios a mostra e ja abrindo minhas calças e tirando meu pau pra fora falou para eu relaxar, aproveitar e gozar a vontade, ela então passou gel nas mãos e começou a alisar meu pau, depois de alguns movimentos de sobe e desce sentindo ele bem duro ela passou gel nos seios e colocando meu pau entre seus seios começou a me masturbar.

Meu pau deslizava gostoso entre seus seiose ela aumentava cada vez mais o ritmo sempre perguntando se eu estava gostando e eu respondia só pedindo pra continuar, e ela continuava com movimentos rapidos e eu ja não aguentava mais de tanto tesão e acabei gozando nos seios dela que se levantou e foi tirando a camisola e a calcinha e depois de tirar por completo minhas calças subiu no sofá ficando de frente para mim de joelhos e com amão foi colocando meu pau na xana molhadinha dela e foi abaixando devagar fazendo meu pau encher aquela xana.

Irene então tirou minha camisa e com ela começou a limpar os seios cheio de meu gozo, então levando minhas mãos até eles pediu para eu chua-los, e sem pensar um segundo ja estava segurando forte naqueles seios e chupando-os bem gostoso, mordia e passava a lingua no bico deles, enquanto isso ela rebolava no meu pau enfiado na xana dela, fazia movimentos pra tras e pra frente com a cintura.

Meu pau estava feito pedra e ela pedia mais rebolando e gemendo muito percebi que ela estava gozando e depois me abraçou e falou no meu ouvido para eu fazer o que quisece dela então peguei ela pela bunda e segurnado no colo levei até a suite dela e nos deitamos na cama e abrindo as pernas ela pede pra eu meter forte , e sem demora começo a penetra-la com estocadas fortes do jeito que ela pedia, meu pau enchia toda aquela xana gostosa e molhadinha, ela segurava nos lençõis e pedia mais forte e mais rapido, e eu beijando e mordendo aqueles seios gostosos e seus bicos, metia meu pau bem fundo na xana dela com força e rapidez como ela queria.

Ela gemia e suspirava forte, gritava de tesão pedindo pra meter mais e falando que queria gosar muito mais, então sai de cima dela e pedi para ficar de quatro e logo ela estav com aquela bunda gostosa empinada na minha frente, peguei seu gel lubrificante e joguei sobre seu cuzinho e no meu pau e de joelhos comecei a enfiar meu pau no cuzinho dela, fui empurrando a cabeça do meu pau que começou entrar bem devagar, ela gemia de tesão ja, e eu continuava enfiando, quando consegui penetrar metade do meu pau comecei a bombar mais forte no seu rabo.

Segurei aquela bunda gostoaa e comecei a meter forte, meu pau ja entrava facil e gostoso enchendo aquele rabo quente dela, ela pedia pra meter mais rapido e forte q tava gosando muito, Irene então se deitou de bruço e eu sobre ela metia muito rapido e forte no cu dela, meu tesão era muito e meu pau estava feito pedra,ja não aguentava então comecei a bombar forte e rapido no rabo dela, dava estocadas que fazia ela gritar e se contorcia de tesão e ela pedia pra gozar na bunda dela e tirei meu pau do cu dela e jorrei todo meu gozo na bunda dela.

Depois fomos tomar um banho onde chupei gostoso aquela xana e ela tambem chupou meu pau até gozarmos novamente e eu ir embora para quem sabe um dia nos reencontrar.