Recentemente contei que descobri que minha mãe estava morando com a filha de uma amiga dela de infância, isso aconteceu quando resolvi voltar para casa dela após terminar minha faculdade. Mas além disso descobri que essa amiga de minha mãe era uma transsexual e acabei transando com ela. Mas agora vou contar o que se passou depois disso entre eu, minha mãe e sua amiga travesti.

Uma semana se passou depois de eu ter voltado para casa da minha mãe, estava uma delícia conviver de novo com ela, sentindo o carinho dela, além da ótima convivência com Cláudia que depois que transamos só ficávamos na provocação nos horários que minha mãe não estava. Eu sabia também que ela e minha mãe transavam também, aliás não só sabia como ouvia gemidos das duas quase todas as noites, e numa dessas noites ouvindo aquilo tudo fui até a porta do quarto delas, abri a porta vagarosamente e vi minha mãe de pernas abertas pro alto enquanto Cláudia metia na buceta dela.

Aquilo me deixou muito excitado e de pinto duro, minha mãe apesar de gordinha tinha lindas pernas, assim como sua bunda grande e seios também de tamanho grandes e naturais. Não acreditava mas estava desejando minha mãe sexualmente vendo aquela cena, mas decidi parar de ver e fui para o banheiro e fiquei me masturbando ouvindo as duas trancarem. Na manhã seguinte levantei tarde e quando fui tomar café minha mãe já havia saído e Cláudia estava tirando a mesa do café da manhã, me sentei e não resisti, disse que tinha visto ela e minha mãe transando, e que ouvia as duas quase todas as noites. Cláudia deu um sorriso e disse que algumas noites minha mãe ficava insaciável, e olhando pra mim com cara de safada perguntou se eu tinha gostado do que tinha visto.

Tentei disfarçar mas disse que sim que havia ficado muito excitado e tinha me masturbado no banheiro ouvindo as duas, falei que minha mãe sempre foi linda e continuava linda. Cláudia então provocou e perguntou se tinha ficado excitado por causa dela ou da minha mãe, e eu não consegui negar que era por causa da  minha mãe, mas que aquilo era bobagem que não voltaria acontecer. Cláudia então se aproximou e falou que eu deveria participar também, fiquei surpreso com a sugestão dela e disse que aquilo nunca aconteceria. Cláudia disse que se quisesse era só aparecer no quarto quando ouvisse elas transando e que convenceria minha mãe, e para provocar disse que adoraria meu pau no rabo dela enquanto mete na buceta da minha mãe ou então colocar dois pau dentro da minha mãe. Sai da cozinha e fui preencher uns currículos online, mas confesso que aquelas idéias não saíram da minha cabeça.

Naquela noite não se ouvia nada entre minha mãe e Cláudia, mas aquele papo pela manhã continuava mexendo comigo a ponto de já imaginar tocando minha mãe sexualmente. No dia seguinte sai cedo para fazer umas entrevistas de emprego, e quando voltei para casa já era tarde pois havia ficado fechando contrato numa empresa diretamente com o meu futuro chefe. Entrei e ouvi uns leves murmurinhos ao passar pelo quarto de minha mãe e decidi que aquele seria o momento ideal para fazer o que Cláudia havia sugerido, Abri a porta do quarto delas já dizendo que tinha arrumado um trabalho, e vi minha mãe e Cláudia nuas se beijando, com a surpresa minha mãe se levantou vestindo um hobby vermelho e perguntando por que tinha entrado daquele jeito no quarto dela. Falei que tinha sido contratado por uma ótima empresa, então ela me abraçou me desejando sucesso, Cláudia ainda pelada veio pelo lado e também me abraçou desejando sucesso e dizendo que deveríamos comemorar os três juntos na cama. Minha mãe espantada pediu desculpas pelo que tinha visto e disse para Cláudia se vestir.

Para surpresa da minha mãe, Cláudia me beijou na boca e eu peguei no pinto dela, minha mãe ficou perplexa e perguntou o que estávamos fazendo. Falei que já tinha transado com Cláudia na semana que havia voltado para casa, minha mãe disse que não acreditava, Cláudia então pediu que ela relaxasse e começou a tirar o hobby da minha mãe, que tentou impedir mas se espantou quando eu também comecei a fazer o mesmo. Minha mãe estava pelada em minha frente, seu corpo cheinho com seios grandes e bem redondos naturais me deixaram de pau duro. Cláudia começou a beijar minha mãe e leva-la para a cama enquanto eu comecei a tirar minha roupa. Fui para a cama e deitados um de cada lado da minha mãe, eu e Cláudia começamos a chupar os seios dela que já não resistia aos nossos toques e carícias em seu corpo.

Cláudia então foi para os pés da cama e abrindo as pernas da minha mãe começou a chupa-la, eu então fiquei de joelhos ao lado de minha mãe e fiz ela chupar meu pau, para provocar ainda disse pra ela ver e sentir como o pinto do filho dela tinha ficado grande. Minha mãe pegou em meu pinto e passou ele na boca e depois lambeu por toda sua extensão até chegar na cabeça onde ficou lambendo em volta. Ela então viu que começou a sair aquele líquido lubrificante de dentro dele e começou a chupar a cabeça do meu pinto, mas em pouco tempo já estava engolindo ele todo. Enquanto isso Cláudia continuava chupando minha mãe que entre umas chapadas em meu pau soltava gemidos de tesão. Depois disso Cláudia se levantou e passando as pernas sobre o corpo de minha mãe, ficou de frente para ela poder chupar o pau de Cláudia enquanto minha mãe enfiava o dedo no cu dela. Eu então fui chupar a buceta da minha mãe, e ficando ajoelhado comecei a beijar as coxas grossas da minha mãe até chegar na vagina dela que estava molhadinha. Provoquei mais um pouco e disse que ia chupar a buceta de onde eu tinha saído, e cai de boca chupando forte o caldinho que saia de dentro dela, minha mãe gemia enquanto chupava Cláudia que também gemia sentindo o dedo no cu dela.

Continuei lambendo a buceta da minha mãe e também comecei a enfiar um dedo no cuzinho dela, que fez com que ela arqueasse o corpo erguendo sua bunda da cama. Ficamos assim por uns longos minutos até que Cláudia se deitou na cama e minha mãe subiu nela e começou a cavalgar e gemer dizendo que o pinto de Cláudia esfregava a cabeça bem no ponto G dela. Eu então fiquei de pé na cama e me posicionei atrás dela, pedi para ela abrir a bunda com as mãos e segurando meu pau comecei a penetrar no cuzinho dela, que começou a gemer e dizia que meu pau era grande demais para o cu dela. Cláudia puxou a cabeça de minha mãe e começou a beija-la fazendo com que ficasse com a bunda arrebitada e bem aberta para que eu pudesse meter melhor no cu da minha mãe. Segurei a bunda da minha mãe e comecei aI dar estocadas fortes enquanto Cláudia também penetrava na buceta dela fazendo ela soltar gemidos e ficar com a respiração ofegante.

Eu e Cláudia estávamos numa ótima sincronia de estocadas em minha mãe que por vezes erguia o corpo e fazia eu apertar seus seios grandes e macios e gemia dizendo que estava ótimo ter dois pintos dentro dela. Depois de um tempo metendo nela eu e Cláudia aceleramos nosso ritmo de estocadas fazendo minha mãe gritar e gemer de tesão e dizia que estava tendo um orgasmo. Quando estávamos quase pra gozar tirei meu pau de dentro do cu dela e ela saiu de cima da Cláudia e se deitou e eu e Cláudia ficamos ajoelhados ao lado dela e começamos a gozar sobre minha mãe que esfregava nossa porra pelos seios e barriga dela. Depois disso ela ainda chupou nossos pintos até que cansados dormimos os três juntos.

No dia seguinte pela manhã acordei sentindo minha mãe e Cláudia me acariciando o corpo, comecei a beijar Cláudia que estava de frente pra mim, percebi que as duas se olhavam e foi então que percebi que minha mãe começou a acariciar minha bunda e passava o dedo sobre meu cu, e antes que falasse alguma coisa senti minha mãe enfiando o dedo no meu cu. No começo foi estranho muito incomodo, parecia que estava com vontade de fazer cocô, mas de repente veio algo prazeroso que começou a fazer meu pau ficar duro,  Cláudia então ainda deitada de lado começou a chupar meu pau enquanto sentia ele mais duro com o toque na minha próstata. Sem conseguir me segurar comecei a gozar na boca de Cláudia, sentia sair muita porra devido o toque que minha mãe dava em minha próstata, quando Cláudia terminou de chupar minha porra elas fizeram eu me virar pro outro lado e então foi Cláudia que começou a masturbar minha próstata e fazendo eu novamente ficar duro e em instantes começar a gozar na boca da minha mãe que me chupava e engolia toda minha porra e exausto de tanto gozar voltei a dormir durante toda a manhã.